O futuro está nos "Phonebloks"

Os Smartphones podem até durar 3 anos, porém depois de cerca de 400 a 800 recargas, sua bateria vai durar cada vez menos. E, antes d...


Os Smartphones podem até durar 3 anos, porém depois de cerca de 400 a 800 recargas, sua bateria vai durar cada vez menos. E, antes de arriar de vez, o processador do celular não dará mais conta de aplicativos mais novos. Sem contar as atualizações constantes dos sistemas operacionais dos Smartphones, que contribuem para a diminuição da vida útil do mesmo. Seja bem vindo a obsolescência programada.

Visando a obsolescência programada como um grande problema atual que tem como objetivo nos fazer comprar o que não precisamos para alimentar uma pseudo "economia sustentável", já que a economia gira em torno de satisfazer nossas necessidades e desejos, que são e sempre serão infinitos, o jovem Dave Hakkens criou o "Phonebloks".

Eles são modulares, open source (ou seja, hardware aberto, com padrões que podem ser adaptados livremente) e, na prática, permitem que os smartphones sejam atualizados e modificados livremente, sem que exista a necessidade de troca do aparelho. O negócio apareceu no final de 2013, e agora ganhou um partidário de peso: a Motorola, através do Projeto Ara.




O Ara é uma plataforma de hardware aberto composta por vários módulos. Há um kit para desenvolvedores com a base e alguns módulos. Esses módulos são os componentes físicos do aparelho, como processador, a tela, bateria (e bateria extra), sensores, GPS, câmeras, saída HDMI e qualquer outra coisa que saia da imaginação de quem começar a brincar com a plataforma.

O projeto teve a colaboração de Dave Hakkens, criador do Phonebloks, o primeiro projeto de celular customizável que já conta com uma comunidade ativa de desenvolvedores. A Motorola diz que quer fazer com o hardware o que o Android fez com o software: criar uma plataforma aberta que estimule a criação e a inovação.

Abaixo alguns videos que demonstram mais detalhadamente como tudo funciona:



Esse foi o primeiro video lançado por Dave Hakkens.


Esse é o segundo video, explicando o projeto ARA, me desculpem a falta de legenda.



Por: Yasmim Aguiar

Conheça também esses posts!

1 comentários

  1. Gostei muito do texto, geralmente a explicação sobre os Phonebloks variam entre o extremamente técnico ou o "For Dummies", o potencial desse tipo de hardware é ilimitado não só para o consumidor como para o desenvolvedor, no entanto há um problema muito grande com os Phonebloks, a falta de padronização, hoje desenvolvo apps para Android e IOS, e posso dizer que é um verdadeiro martírio criar apps para o Android, a muita variedade de modelos com processamento, memória, câmera e etc diferentes, o mesmo deve acontecer com os Phonebloks, no entanto, nessa profissão escolhemos aceitar desafios e contorna-los, já estou estudando a estrutura e pretendo desenvolver hardwares para Phonebloks em um futuro próximo.

    ResponderExcluir

Instagram