E então é Halloween

O que falar do Halloween, esse cara especial que aparece uma vez por ano... não, pera esse não é o Orkut e esse não é um depoimento. Ma...


O que falar do Halloween, esse cara especial que aparece uma vez por ano... não, pera esse não é o Orkut e esse não é um depoimento. Mas preciso, como é de costume, contar a origem desta data comemorativa. Originalmente, o Halloween era um ritual dos celtas, um povo que habitou a Grã-Bretanha e a França entre o ano 2000 e o ano 100 antes da era cristã, vocês sabiam? Para eles, a noite de 31 de outubro, indicava o início do Samhain, uma importante celebração que marcava três fatos: o fim da colheita, o Ano-Novo celta e também o início do inverno, "a estação da escuridão e do frio", um período associado aos mortos. No Halloween, segundo a mitologia desse povo, era possível entrar em contato com o mundo dos desencarnados.

                              

 Para representar esse caos sobrenatural, os celtas se fantasiavam com peles e cabeças de animais abatidos para o inverno. A crença nos espíritos também despertou outros costumes típicos da festa, como o uso de leite e comida (hoje substituídos por doces) para acalmar os visitantes do além. Outras tradições, porém, foram deixadas de lado, como o hábito de acender fogueiras para espantar os espíritos. Bem depois, no século 9, a festa foi influenciada pela expansão do cristianismo na Grã-Bretanha. 

Na tentativa de acabar com os festejos pagãos, o papa Gregório III consagrou o dia 1º de novembro para a celebração de Todos os Santos. Surgiu daí a própria palavra Halloween, originada de all hallows eve, que em português quer dizer "véspera do dia de Todos os Santos". Finalmente, no século 20, o Halloween juntou ao seu caldeirão de influências a força da cultura dos filmes de terror, que hoje dão o tom da celebração tanto na Grã-Bretanha como nos Estados Unidos.


Se analisarmos o modo como o Halloween é celebrado hoje, nós vamos perceber diversas mudanças e ver que muito pouco do que realmente era celebrado e do seu real significado ficou. O que restou foi uma alusão aos mortos, mas com um carácter completamente diferente do que tinha ao princípio. Além disso, foi sendo pouco a pouco incorporada toda uma série de elementos tanto à festa de Finados como à de Todos os Santos.


Não posso esquecer de citar as lendas, sim aquelas histórias de terror macabras, adoro todas elas, e não podem faltar de forma alguma nesse dia. Além dos contos e das lendas, os personagens principais, Jack O' Lantern, nossa famosa abóbora, as bruxas, os fantasmas, zumbis, jack o estripador, e vários outros que também fazem parte de tramas hollywoodianas, os clássicos filmes, como Sexta feira 13, Halloween, Os Fantasmas Se divertem, O Estranho Mundo de Jack, A hora do Pesadelo, Psicose e muitos outros... 

Que tal nessa quinta-feira aproveitar o Halloween assistindo filmes temáticos? E você que vai para aquela festinha, capricha na fantasia! O que importa é se divertir. E para nossos leitores tão especiais, um bônus! Fotos nossas, sim os redatores, o pessoal que faz o blog acontecer, com maquiagens e fantasias de Halloween! Não importa o mico, o que importa é a diversão!







BUH!



Por: Yasmim Aguiar

Conheça também esses posts!

1 comentários

Instagram