Vamos falar sobre Indie Rock?

Como vai você eu preciso saber da sua vida... Não, pera. Não foi de música brasileira que eu vim falar hoje, e sim de Indie Rock. ...


Como vai você eu preciso saber da sua vida... Não, pera. Não foi de música brasileira que eu vim falar hoje, e sim de Indie Rock. Vamos começar falando como ele surgiu? O Indie surgiu na década de 80 lá pros lados do Reino Unido e dos Estados Unidos. Suas raízes vem de gêneros mais antigos, como o Rock Alternativo, o Pós-Punk e o New Wave. 

Sabem de onde vem o termo Indie? É nada mais, nada menos que a abreviação de "Independent" (Independente), esse gênero musical, é chamado assim, pois os meios de produção e distribuição são independentes, ou seja dissociados de grandes gravadoras. Como são independentes os artistas tem total controle sobre suas carreiras, gravam e produzem em produtoras fundadas por eles mesmos, e os meios de divulgação, são por meio de turnês, rádios independentes e atualmente pela internet. Dá pra perceber que não é um ramo muito fácil de se seguir, não é? Até mesmo por esse motivo o Indie e bandas que seguem essa vertente são pouco conhecidas.

Assim como o Rock, o Indie também tem seus subgêneros e vou citá-los para vocês, e colocar alguns exemplos, Já que saber se uma banda é ou não Indie é meio complicado. Vamos aos estilos:

Pop Barroco: Esse estilo é um Folk Rock  estilo anos 60 misturado com o experimentalismo, como por exemplo, a inclusão de uma orquestra na música. Ex: Florence And The machine, Arcade Fire, Fiona Apple, etc.

Britpop: Estilo que mistura quase toda a história do rock britânico. Desde a invasão britânica (Rolling Stones, Small Faces, etc), passando por bandas de Punk Rock como Buzzcocks e Wire, até chegar em Stone Roses e Happy Mondays, é por isso que varias bandas desse estilo são bastante diversificadas e "ecléticas". Ex: Franz Ferdinand, Blur, Oasis, Pulp, etc.

Dance-Punk: É a mistura de Rock com ritmo Dance, com algumas pitadas de Funk dos anos 70. Ex: LCD Soundsystem, Datarock, The Rapture, etc.

Dunedin Sound: É um tipo de Indie Pop diferenciado, ele usa guitarras "jingly-jangly", baixo repetitivo e algumas vezes bateria. Ex: The Bats, Garageland, Superette, etc.

Rock de Garagem: com som de Rock and Roll dos anos 60, a maioria das bandas que são desse subgênero tem um grande influência do Delta Blues. Ex: The Strokes, The White Stripes, The Von Bondies, etc.

Madchester:  Estilo que misturava Indie Rock, Dance Music e Pop Psicodélico. Graças ao estilo, várias bandas do Britpop foram formadas. As letras do estilo eram muito influenciadas pelas drogas sintéticas (que eram novidade na época). Ex: Stone Roses, Happy Monday, Inspiral Carpets, etc.

Indie Folk: Um revival do Folk dos anos 60 com elementos do Indie Rock. Ex: Beirut, The Decemberists, Kings Of Convenience, etc.

Noise Rock: Mistura a atitude do Punk Rock com Noise, ecos e várias outras características bastante encontradas no universo rock dos anos 80. Ex: Sonic Youth, No Age, The Jesus and Mary Chain, etc.

Pós-Punk Revival: O estilo mistura as guitarras do Punk,"riffs" vindo de bandas, como Television e Gang of Four, os teclados da New Wave, algumas vezes Eletrônica. Tudo isso criado através de uma "melodia" Pós-Punk. Ex: The Killers, Franz Ferdinand, Bloc Party, Interpol, etc.

Como não quero que o post fique cansativo citei apenas alguns dos subgêneros, porque são muitos, uffa! Antes de ir, deixo uma Playlist pra quem quiser conhecer mais o gênero.


Por: Yasmim Aguiar

Conheça também esses posts!

0 comentários

Instagram